Revista Portfolio

32 Anos Luiz Alberto

6 coisas que você não sabia sobre Zahara Marley Jolie-Pitt, a filha etíope de Angelina Jolie e Brad Pitt

A menina de 15 anos, nascida na Etiópia, está de olho em trabalhos humanitários ou de atuação? Ou ela seguirá um caminho diferente

19 de MAIO de 2020

Icone Compartilhamento Facebook Icone Compartilhamento Twitter Icone Compartilhamento Google Plus Icone Compartilhamento Tumblr Icone Compartilhamento Pinterest Icone Compartilhamento Linkedin


Como a primeira filha adotiva da família multicultural de Angelina Jolie, Zahara Marley Jolie-Pitt conseguiu - em grande parte - ficar fora dos holofotes desde que foi adotada em 2005. Nascida em Awasa, Etiópia, Zahara foi adotada pela atriz Angelina Jolie, quando tinha apenas seis meses de idade, antes de ser co-adotada pelo então marido de Jolie, Brad Pitt, vencedor do Oscar em 2006.

Agora que Maddox, a filha mais velha do casal de celebridades, deixou o ninho para a universidade na Coréia do Sul, e seu segundo irmão, Pax, está à beira da formatura do ensino médio, Zahara parece assumir o cargo de irmão mais velho da família.

Mas quanto sabemos sobre Jolie-Pitt, de 15 anos? E Zahara se concentrou em atuar ou em trabalhos humanitários, como seus pais famosos?

1. ELA TEVE UM COMEÇO INFELIZ NA VIDA



As circunstâncias da mãe biológica são difíceis, para dizer o mínimo. Se Zahara planeja ou não se conectar com sua mãe biológica também está em debate. Em entrevista à jornalista americana Ann Curry na Namíbia em 2009, Angelina Jolie disse que a mãe biológica de sua filha havia morrido de Aids. Falando sobre a importância de financiar a educação em países menos desenvolvidos economicamente, ela observou: “A mãe [de Zahara] morreu de Aids e, portanto, eles não teriam recursos para mandá-la para a escola”.



Mas em 2017, um exclusivo online do Daily Mail afirmou ter entrevistado a mãe biológico de Zahara, Mentewab Dawit Lebiso. Ela disse ao tablóide britânico que havia colocado Zahara para adoção porque foi concebida por estupro. Lebiso acrescentou: “Angelina tem sido mais mãe do que eu já fui. Ela está com ela desde que era bebê, mas isso não significa que eu não sinta falta dela.

2. JOLIE ADMIRA A FORÇA DE ZAHARA



No Dia Internacional da Mulher, Jolie escreveu um artigo para a revista Time sobre como estava orgulhosa da resiliência e força de suas filhas. Ela compartilhou: “Passei os últimos dois meses entrando e saindo de cirurgias com minha filha mais velha e, dias atrás, assisti sua irmã mais nova passar pela faca para uma cirurgia no quadril”. Em uma rara aparição pública, Shiloh, irmã de Zahara, foi vista de muletas no início de março, levando muitos a pensar que ela era a “irmã mais nova” a que Jolie se referia em seu artigo.

"Eles entendem que passar por desafios médicos e lutar para sobreviver e curar é algo para se orgulhar", escreveu Jolie. Não há confirmação sobre para que Zahara precisava ser operada, mas foi relatado que seu pai Brad Pitt perdeu os British Academy Film Awards  em fevereiro para ficar ao lado da cama de sua filha.

3. O RISO DELA É UM DESTAQUE



Em um Olá! Na entrevista com Jolie em 2017, a atriz Malévola disse que foi o som da risada de Zahara que a fez realmente feliz. “Ela é uma daquelas pessoas que riem com todo o corpo. Completamente aberto e cheio de alegria”, disse.

4. ZAHARA INSPIRA O TRABALHO HUMANITÁRIO DE SUA FAMÍLIA



Em 2009, a Fundação Jolie-Pitt criou o Programa Zahara, em homenagem a sua filha, para tratar a tuberculose resistente a drogas na Etiópia. Seu trabalho na área continua até hoje, em parceria com as autoridades regionais de saúde. Mas Zahara não é a única criança de Jolie-Pitt que tem um programa humanitário homônimo.

O Centro Infantil Maddox Chivan, localizado em Phnom Penh, concentra-se em cuidar de crianças infectadas ou afetadas pelo HIV ou Aids. Há também um Centro Zahara, localizado nos arredores de Adis Abeba, na Etiópia, que segue um modelo semelhante ao Maddox Center, mas com um foco maior na tuberculose. O edifício foi projetado até em parte por Brad Pitt.

5. ELA CONHECEU A PRIMEIRA MULHER PRESIDENTE DA ETIÓPIA

Segundo a revista People, a família ficou na Etiópia para o feriado de Ano Novo em 2020. Zahara e a irmã Shiloh se juntaram à mãe para conhecer Sahle-Work Zewde, a primeira mulher presidente do país. O que uma garota de 15 anos discute com um presidente? Aparentemente, Zahara e o grupo conversaram sobre a importância da educação das meninas, soluções sanitárias para meninas na escola e tuberculose resistente a drogas, uma grave crise de saúde na região.

6. ELA TEM CRÉDITOS DE ATUAÇÃO

 

Embora Angelina tenha dito que nenhum de seus filhos está interessado em atuar, isso não os impediu de fazer algumas aparições nos filmes de sua mãe. Zahara fez a dublagem de Meng Meng, o trigêmeo panda, em Kung Fu Panda: 3 . Ela também teve um papel não creditado, ao lado de seu irmão Pax, em Maleficent. Maddox também atuou ao lado de sua mãe no filme cambojano, First They Killed My Father, dirigido por Jolie.

VEJA TAMBÉM

Ivanka Trump e Elon Musk tomaram uma dura lição no Dia Internacional Contra a Homofobia ao usarem sentido pejorativo de “tomar a pílula vermelha” do filme Matrix

Andréa Nóbrega e Renata Domingues são vítimas de fake news. Atual esposa de Carlos Alberto de Nóbrega é alvo de haters

ACOMPANHE O DIA E A NOITE DOS FAMOSOS PELO NOSSO INSTAGRAM


VOLTAR PARA COLUNA


Portfólio TV PORTFOLIO TV

Baile do Copa 2020 entrando na festa

Baile do Copa 2020 entrando na festa

Baile do Copa 2020 Cordão da Bola Preta no Golden Room

Baile do Copa 2020 Cordão da Bola Preta no Golden Room

Baile do copa 2020 receptivo com a Bateria Balanço Zona Sul

Baile do copa 2020 receptivo com a Bateria Balanço Zona Sul

Momento do show de Serjão Loroza no Baile do Copa 2020

Momento do show de Serjão Loroza no Baile do Copa 2020

Momento do show de Serjão Loroza no Baile do Copa 2020

Todos os direitos reservados l Copyright c Revista Portfolio Brasil 2017