Revista Portfolio

A baiana Maria Gal estreia papel em Aventuras de Poliana, no SBT

e consolida sua produtora com projetos para cinema e TV

21 de JULHO de 2018

Icone Compartilhamento Facebook Icone Compartilhamento Twitter Icone Compartilhamento Google Plus Icone Compartilhamento Tumblr Icone Compartilhamento Pinterest Icone Compartilhamento Linkedin

A baiana Maria Gal estreia papel em Aventuras de Poliana, no SBT

Maria Gal vive Gleyce Soares, mulher batalhadora, chefe da família e mãe de dois filhos adolescentes em “As Aventuras de Poliana”, nova novela do SBT. Na trama, Gleyce tem um passado de porta-bandeira, casada com personagem interpretado por Nando Cunha, um caminhoneiro. Moradora de uma comunidade, luta para crescer na vida e dar um bom futuro para seus filhos.

Unindo o amor pelo audiovisual e sua forte consciência empreendedora, em 2017 fundou Maria Produtora, empresa voltada à produção de conteúdo para TV e cinema cujo intuito é gerar mais espaço para artistas e projetos que valorizem o negro e o feminino no Brasil.

Fui negada para um trabalho, pois, o diretor achou que o tom da minha pele não seria tão comercial. Descobrir que esse foi o motivo de não ter conseguido despertou em mim a urgência de mudar o jogo. Com isso nasceu a Maria Produtora.”,explica.

Para as telonas, prepara o longa “Carolina”, cinebiografia de Carolina Maria de Jesus, uma das mais importantes escritoras negras do país e autora de “Quarto de Despejo”,best-seller considerado um marco na escrita feminina do Brasil, entre outras obras. “Nosso filme é um projeto que trata da vida da escritora. Importante ícone negro de nossa literatura, “Carolina”, entretanto, permanece desconhecida pelo grande público”, afirma a atriz.

No filme, Gal interpretará o papel título, além de atuar como produtora. A direção será assinada por Rogério Gomes. “Carolina” está em fase de captação de recursos. 

Também em andamento está a série “Os Souza”. Escrita por Cláudio Torres Gonzaga e produzida por Gal. A série é uma comédia sobre uma família negra em ascensão social. Para a atriz, a sitcom é extremamente relevante ao momento que vivemos: “O projeto abre possibilidades de reflexão sobre questões de gênero e raça num cenário em que a mulher afrodescendente, apesar de majoritária em número populacional (51,7%), ocupa o último degrau da pirâmide econômica e social, ganhando menos que o homem branco, a mulher branca e o homem negro”. Com roteiros em desenvolvimento,

“Os Souza” tem estreia prevista para 2019. 



Sobre Maria Gal

Maria Gal nasceu em Salvador e é atriz há mais de 10 anos. Atuou nos espetáculos “Sonho de uma Noite de Verão”, “Cabaré da Raça”, “Fausto Zero”, “Os Iks”, “Ensaio sobre Carolina”, “O Cravo e a Rosa”, “Anjo Negro + A Missão

e “Os Sertões”, estes dois últimos apresentados no Teatro Volsksbhuene, na Alemanha, entre diversos outros.Ainda em 2017, ganhou o prêmio de Melhor Atriz no Madrid International Festival pelo filme “A Carga de Aline Rezende”. Gravou a série de TV “Sob Pressão” da Rede Globo e em 2018 estreou o filme “Dona Flor e seus Dois Maridos”, contracenando com os atores Juliana Paes e Leandro Hassum.

No mesmo ano, palestrou para a Google, no evento internacional TEDXSP sobre racismo no Brasil e Audiovisual.

Em 2016 e 2017 atuou no espetáculo “A Comédia Latino-Americana”, dirigido pelo premiado Felipe Hirsh, que teve temporada em São Paulo e apresentação no festival de Lisboa, Portugal. Na Netflix,atuou na série “3%”, dirigida por César Charlone, exibida em 192 países – esta é primeira série brasileira produzida pela plataforma. Está no telefilme “A Felicidade de Margot”, de Maurício Eça, “Entre o Céu e a Terra”, série exibida nos países de língua portuguesa, e, ainda, “Stella Models”,de Samir Abujamra, exibida pelo Canal Brasil.

No cinema, além de atuação em curtas e longas-metragens, Maria Gal participou de novelas na Rede Globo e no SBT. No cinema, fez também

“Carandiru”,“Carandiru e Outras Histórias”,“Amor em 4 Atos”,“DOR” (curta que lhe rendeu prêmio de melhor atriz) e“A Carga” (pelo qual obteve indicação de melhor atriz). Já na televisão, atuou nas novelas “Carrossel”,“Gabriela” e“Joia Rara” e nas séries “Conselho Tutelar” (Record TV) e “Santo Forte” (AXN), dentre outros.

Ah... também é autora do livro infantil “A Bailarina e a Bolha de Sabão”, lançado em 2014.

Fotos Luiz Crispino

VEJA TAMBÉM

Fortunia faz grande show no Backstage Studio Hall no bairro Tatuapé

Jantar beneficente do Instituto Neymar Junior reúne famosos e poderosos em noite Black-tie


A baiana Maria Gal estreia papel em Aventuras de Poliana, no SBT



Portfólio TV PORTFOLIO TV

Michel Teló se apresenta com seu show Bem Sertanejo na Área de Eventos do Shopping Vila Velha

Michel Teló se apresenta com seu show Bem Sertanejo na Área de Eventos do Shopping Vila Velha

Dança de Luise Schwan e amigos em sua festa de 15 anos

Dança de Luise Schwan e amigos em sua festa de 15 anos

Valsa dos 15 anos de Maria Eduarda Junca Simão

Valsa dos 15 anos de Maria Eduarda Junca Simão

Banda P9 My Favorite Girl no aniversário de Maria Eduarda Bolelli

Banda P9 My Favorite Girl no aniversário de Maria Eduarda Bolelli

Banda P9 My Favorite Girl no aniversário de Maria Eduarda Bolelli

Todos os direitos reservados l Copyright c Revista Portfolio Brasil 2017